Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, OSASCO, Homem, de 20 a 25 anos, Spanish, English, Arte e cultura, Música, BaLaDaS
MSN - adriano_seedtur@hotmail.com



Histórico
 01/09/2006 a 30/09/2006
 01/08/2006 a 31/08/2006
 01/07/2006 a 31/07/2006
 01/06/2006 a 30/06/2006
 01/05/2006 a 31/05/2006
 01/04/2006 a 30/04/2006
 01/03/2006 a 31/03/2006
 01/02/2006 a 28/02/2006
 01/01/2006 a 31/01/2006
 01/12/2005 a 31/12/2005
 01/11/2005 a 30/11/2005
 01/10/2005 a 31/10/2005
 01/09/2005 a 30/09/2005
 01/08/2005 a 31/08/2005
 01/07/2005 a 31/07/2005
 01/06/2005 a 30/06/2005
 01/05/2005 a 31/05/2005
 01/04/2005 a 30/04/2005
 01/03/2005 a 31/03/2005
 01/02/2005 a 28/02/2005
 01/01/2005 a 31/01/2005
 01/12/2004 a 31/12/2004


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 Abobrinhas Refogadas
 Blog do Filipe
 Blog da Sol
 Fotoblog do Edson e da Angela
 Blog do Eciênio
 Site Diego Torres
 Site Jorge Vercilo
 Top Blogs...Vote nesse BLOG!!!


 
WeLcOmE tO mY lIfE - dRi VeRiSsImO


 

Acho q hj essa musica expressa um pouco de como estou...

Marina Elali - One Last Cry
Brian McNight, Brandon Barnes e Melanie Barnes
My shattered dreams and broken heart 
Are mending on the shelf I saw you holding hands
Standing close to someone else 
Now I sit all alone 
Wishing all my feeling was gone 
I gave my best to you 
Nothing for me to do   

But have one last cry  
One last cry 
Before I leave it all behind I've gotta put you out of
my mind this time 
Stop living a lie I guess I'm down to my last cry   

I was here you were there 
Guess we never could agree
While the sun shines on you I need some love to rain
on me 
Still I sit all alone 
Wishing all my feeling was gone 
Gotta get over you Nothing for me to do 

But have one last cry   
One last cry 
Before I leave it all behind I've gotta put you out of
my mind this time 

Stop living a lie   I know I've gotta be strong 
‘Cause ‘round me life goes on and on and on and on   
But have one last cry     

One last cry 
Before I leave it all behind I've gotta put you out of
my mind for the very last time 
Been living a lie I guess I'm down I guess I'm down I
guess I'm down To my last cry

 " Amar é sofrer, é abrir mão...Sofro e abro mão, só não sei amar... ( Adriano Veríssimo ) "

 

 

 Dri Veríssimo



Escrito por Dri Veríssimo às 2h34 PM
[] [envie esta mensagem]



A idade chega!!!

 

hahahahahaha

" Se vc é jovem ainda, jovem ainda, jovem ainda...Amanhã, velho será, velhor será, velho será...ao menos que o coração, que o coração sustente, a juventude que nunca morrerá..."" Mestre Chaves...rsrsrsrsrs

Aula de envelhecimento...afff!!!

 

Beijo grande!!!

Dri Veríssimo



Escrito por Dri Veríssimo às 4h58 PM
[] [envie esta mensagem]



 

Nossa Fonte

 
Vejo a imensidão
da ilusão que me apraz
que em meus olhos
e meu coração
naum acreditam
no tamanho do amor
que era satisfação,
hoje já não se tem mais
o mesmo brilho
que nos fazia andar
nas nuvens,
que nos fazia levitar
pela simples energia dos dedos.
Me diz o que houve?
Me mostra o erro.
Não me faz infeliz,
ser um mero transeunte
não mereço ser;
junta os cacos de vidro
que ainda resta,
eu te ajudarei.
faz-me sentir importante
com amor e não com compaixão.
amar é uma escolha,
Saudade é uma consequência,
a perda é inevitável.
Pense em nós,
nos momentos que vivemos,
na fonte que é a nossa marca,
a pedra que te dei
é um simbolo,
o meu sentimento está no lado
esquerdo do peito.
 
( Adriano Veríssimo )
 
 
 


Escrito por Dri Veríssimo às 11h39 AM
[] [envie esta mensagem]



( Foto by Renata - Rabo de Kalango )



Escrito por Dri Veríssimo às 3h24 PM
[] [envie esta mensagem]



Em silêncio

 

Em silêncio...

 

Consigo ouvir a voz do infinito

Que vejo no fundo do precipício

A ponta de luz que ainda resta nessa insensata

Incoerência de ventos e folhas

Que passa no céu aberto

Onde pulsa o sangue que desatina pelas veias

Que me leva a essência perfeita, que me trás a existência

De uma vida medíocre cheia de métodos,

Caminhos e escolhas a serem traçadas.

Preso num passado, destinado a um futuro

Sem previsões de sol ,

Sem esperança da chuva

Que toca o meu corpo e me faz perceber

O quanto odiado sou

E o quanto carnívoro posso ser

Ao olhar no âmago, o sofrimento

Que mergulha no mergulho dos prazeres

Que me leva a subjetividade dos versos

Das folhas que em minha frente restam

No cheiro amargo das rosas

E no hálito bom da podridão

Ser, pensar, agir

Bonecos moldados a uma perfeição

 

Inexistente...

 

Interrupta pelo simples fato do parto

Gerado há anos

Que a lembrança se faz necessária para que

O riso seja choro

E a felicidade, ingratidão

Em silêncio...

Ouço o som do solitário

Vejo a cor da escuridão

Penso no ridículo de se amar

Partículas poluídas pelo ar

Sem nada poder fazer

No vazio da alma encontro abrigo,

No brilho da solidão percebo a preciosidade

de ser quem sou

 

Em silêncio...

 

...Me percebo.
 
 
( Texto: Adriano Veríssimo // 16/08/06 21h43 )
 
...................
 
Creio eu que não preciso dizer nada mais!
 
Dri Veríssimo


Escrito por Dri Veríssimo às 2h05 PM
[] [envie esta mensagem]



Tarde de sol e calor! Hoje ainda é terça-feira!

Bjo grannnde!!!

Dri Veríssimo



Escrito por Dri Veríssimo às 4h59 PM
[] [envie esta mensagem]



Palhaços e Palhaçadas!!

Ontem foi uma curtição só nossa primeira aula de maquiagem...DIA DO PALHAÇO!!! hahahaha...Foi mto loko!!! Cada maquiagem mais criativa que a outra....O pessoal do ContrA Regra tah de parabéns!!!

Vou postar algumas fotos...Espero q curtam tb!!!

Bom é isso!!!

E hoje é sexta-feira...Magavilha!!!! rsrs

Bjo Grannnnde!!

Dri Veríssimo



Escrito por Dri Veríssimo às 10h25 AM
[] [envie esta mensagem]



 

Dia de lembranças e de dores no peito,

de tristeza e de ausência.

PAI TE AMO!!

( FELIZ DIA DOS PAIS...Onde estiver!! )

 



Escrito por Dri Veríssimo às 2h59 PM
[] [envie esta mensagem]



 
 
Saltimbanco é um hino à vida. Criado como um antídoto à violência e ao desespero tão prevalentes no século XX, este espetáculo fantasmagórico apresenta uma nova visão da vida urbana, transbordante de otimismo e alegria. Saltimbanco é tudo menos linear. Longe disso. Ele é um caleidoscópio, um turbilhão, uma aventura onde qualquer coisa pode acontecer. Saltimbanco tem sua própria linguagem, e seu espírito é transmitido através da voz, do movimento e da música.
 
 
Bjo Grannnde
 
Dri Veríssimo


Escrito por Dri Veríssimo às 2h52 PM
[] [envie esta mensagem]



Segundona!!!

 

hahahahah

E ae galerinha!!! Hoje é segundo e vou postar a fotos da gravação da Novela " Cidadão Brasileiro " dia 01/08.

Espero que gostem!!

Eu e a Monica Carvalho!

Não lembro de todas...Mas da esquerda para direita a segunda é a Vanessa, a quarta é a Lú Bueno e a ultima é Wanda...( Perdoem-me a falta de memória )

Eu, Cida e o Caio Fernando ( Esse mulieke ainda vai ser sucesso!! Escrevam )

Eu e o Ricardo ( Gente Boníssima!! )

 

Sérgio ( outro que vai ser sucesso...Mr Simpatia! ), Luciane, Cida e Eu!! ( Esses 03 foram parceiros de espera!! )

Cenário da gravação

Bom, é isso!!!

Graaaande Beijo !!!

Dri Veríssimo



Escrito por Dri Veríssimo às 12h53 PM
[] [envie esta mensagem]



 

Hoje por ser sexta-feira estou um pouco mais inspirado...Mas não muito...Coisas que entristecem...Porém hoje não é dia de ficar lamentando aqui...Outro dia conto algumas coisas.

Hoje vou postar algumas das melhores frases...Frases de alguns dos melhores poetas já existentes.

" Cada um vê o que quer e pode. Porque eu sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura. " ( Pessoa )
 
" Quando a gente acha que sabe todas as respostas, vem a vida e muda todas as perguntas. " ( Veríssimo )
 
" ...os adormecidos indiferentes que se tornam menos gente num sistema anti-humano. " ( Brecht )
 
" Pinto a mim mesma porque sou sozinha e porque sou o assunto que mais conheço " ( Cecília Meireles )
 
" Espero a partida com alegria e espero nunca mais voltar " ( Frida Kahlo )
 
" as pedras no caminho, guardo todos os dias uma...vou coostruir um castelo. " ( Pessoa )
 
" é melhor arriscar coisas grandiosas do que formar fila com os pobres de espírito que nem gozam muito, nem sofrem muito. " ( Roosevelt )
 
" Se quiseres, confia na pata do coelho, mas lembre-se: ela não deu sorte nem ao coelho.. " ( Guimarães Rosa )
 
 
 
Bom é isso pessoal...Por hoje é só!!!
 
" Sou eu hoje um homem jogado aos traços e o que me resta são meus versos escritos em folhas amassadas... " ( Adriano Veríssimo )
 
Bjo Graaande!!!
 

 

( Vinicius de Moraes  - Manoel Bandeira - Fernando Pessoa - Carlos Drummond - Cecilia Meireles )



Escrito por Dri Veríssimo às 11h58 AM
[] [envie esta mensagem]



êta frio da preula!!!

 

E ae pessoal..Hj vou postar fotos...Primeiro vou postar algumas fotos da apresentação do exercício de interpretação " Fulaninha e Dona Coisa " q apresentamos dia 26, do mês passado...

Fulaninha e Técnico da Telesp

Dona Coisa!!

 

Obs. Vocês encontram todas a fotos no site: www.danielaugustojr.com.br/_fulaninha

 

Bjo Grannnnde!!

Dri Veríssimo



Escrito por Dri Veríssimo às 2h27 PM
[] [envie esta mensagem]



HOJE!!!

 
Friozinho
Inverno
Cachecol
Vento no rosto
O dia tá umido
Não se vê o sol.
Partículas de chuva
Tocam meu rosto
preferência por frio,
por chuva
cada um com seu gosto.
Encolhido
Contração rápida na pele
Casaco protetor
abençoe os que não tem lar,
que não tem como,
que não podem meu Senhor!
filme e pipoca,
Garoa,
ficar debaixo do corbertor...
êta coisa boa!
Dormir gostoso,
Dormir com alguém,
sentir o calor da pele...
...sem pensar em ninguém!
Sem pensar no frio,
na chuva e nos ventos,
pensar em você que
fica o tempo todos
nos meus pensamentos!
 
( Millie Niss, New York / USA - INVERNO DE 2005 )
 
Bjo Grannnde
 
Adriano Veríssimo 
 


Escrito por Dri Veríssimo às 3h49 PM
[] [envie esta mensagem]



Desabafo!

 

Êta coisa boa falar da VIDA sabia?! Muitos podem pensar que isso é demagogia, mas me sinto bem em dizer isso, que a Vida é uma dádiva que nos é dada. Quando menos esperamos, sua vida, seus momentos, sua esperanças, são renovadas de uma tal maneira, que parece ser um filme da Sessão da Tarde. Durante um tempo, estive muito cabisbaixo, sem muitas perspectivas, acho que pelo fato de não conseguir desenrolar muitos projetos, ser muito pressionado, até mesmo psicológicamente; sou daquele tipo de pessoa, que gosto de ser desafiado, mas não muito pressionado, até consigo fazer, porém não com o meu melhor desempenho. Como eu ía dizendo, estive tendo muitos altos e baixos, melhor, bem baixos por sinal, nesses ultimos tempos. Sabe quando tudo parece ir no sentido contrário, quando o sol não brilha mais para você, os seus dias são apenas de frio e chuva? Isso é exatamente, o que estive passando uns tempos atrás. Entretanto, de um tempo para cá, muitas coisas boas tenho usufruído, muitas realizações no que mais AMO fazer " o Teatro ", na TV ( nada muito extraordinário mas tudo tem um recomeço ); minha família é linda e amo todos, e por mais que tenhamos stress, uso isso para melhorar nossa convivência, mas família é família; nas amizades, tenho reencontrado amigos e feitos novos também, tenho descoberto o ser humano, o que é melhor não me desanimo com suas atitudes, compreendo os seus erros, o que é melhor, pelo menos não me stresso e vivo sussegado; no amor, não preciso dizer nada, tenho meu coração completo agora, sem faltar a outra metade, e o melhor sendo muito bem correspondido...Acho que dizer que minha é perfeita seria dizer demais, porque quando se tem uma vida perfeita, não se tem motivos para se alegrar de uma conquista, de uma batalha vencida, ou de ter conseguido enxergar uma luz no fim do túnel. Afinal, imagina como seria a vida sem a tristeza? Se fossemos somente felizes, não teríamos o porque de amadurecermos, crescermos espiritualmente, não teríamos o gosto de passar por aquele problema que não parece ter fim e no alegrarmos por ele não existir mais.
A Vida é uma Dádiva, pelo fato de você pôder se guiar, se vincular, se aproximar, se afastar, se fazer esquecer, se fazer lembrar, se fazer bem, se fazer insatisfeito, se realizar na mesa de um bar, se completar ouvindo musica, se fazer sóbrio, se embreagar nas páginas de um livro, se entregar para um grande amor, se integrar a uma turma, desaparecer para si mesmo, se desmachar na areia da praia, se refrescar nas águas de uma cachoeira, ou num banho de mangueira, se esquecer dos problemas, se pertubar por uma dívida, se voluntariar num trabalho que te dê prazer de somente saber que você é um ser humano, e que todo ser que respira não vive só, se relaciona. Deus nos deu a Vida para regozijarmos dela e guiarmos para o que nos faz feliz. Saiba usar sua vida, saiba fazer dela diferença nesse planeta, seja diferente, deixe sua marca, que as pessoas saibam que você existiu, no entanto mesmo que nenhuma pessoa saiba, tenha você mesmo(a) a certeza da sua existência!!
 
Bjo Grande
 
Adriano Veríssimo
 



Escrito por Dri Veríssimo às 11h03 AM
[] [envie esta mensagem]



Fulaninha e Dona Coisa!

 

Nessa próxima Quarta-feira tem apresentação ( conclusão de bloco ) no Senac na " Mostra de Teatro "....A peça fala de duas personagens completamente diferentes; uma é caipira, recém chegada a São Paulo, que começa a trabalhar como empregada doméstica na casa da Dona Coisa, uma mulher independente, stressada, divorciada, o estilo de mulher da alta sociedade: brega, porém com muitos defeitos. E para apimentar essa história tem o técnico da Telesp, que leva a Fulaninha pra perdição. Uma comédia show de bola!! Estamos curtindo muito esses três personagens!!!

 

Parte da galera na foto de divulgação!!!

Adoro esse povo!!!

Então não percam!!! Quarta-feira - dia 26/07 às 20h30

FULANINHA E DONA COISA ( direção: Mariza Bicudo )

no auditório do Senac na Rua Scipião, na Lapa. ENTRADA FRANCA

Bjão

Adriano Veríssimo



Escrito por Dri Veríssimo às 11h59 AM
[] [envie esta mensagem]




[ ver mensagens anteriores ]